20 janeiro 2017

Top 7: Novidades da Semana

Meus amores, o final de semana chegou e isso significa, que está na hora de compartilhar com vocês, as notícias mais comentadas nessa semana, nas redes sociais. Espero que todos gostem. 

1º Anahí é mamãe! Nasce o filho da cantora, Manuel

2º Novo pôster de “A Bela e a Fera” está de tirar o fôlego! 

3º Fifth Harmony faz primeira performance como quarteto desde a saída de Camila Cabello

4º Vídeo do set de “Quatro Vidas de Um Cachorro” mostra maus-tratos a pastor alemão

5º Céline Dion vai cantar uma música inédita na trilha do novo “A Bela e a Fera” 

6º Ed Sheeran tá todo in love pela namorada e quer ser papai: “Nunca estive mais feliz”

7º Little Mix lança clipe de “Touch” cheio de boys e corpo a corpo! 

Então meus amores, vocês gostaram das novidades?

Fonte: Capricho, Ego, Hugo Gloss, Quem Acontece, Caras, Papel Pop e PopLine.

18 janeiro 2017

Resenha do Filme: Passageiros

Meus amores, quando eu fui no cinema no finalzinho de 2016 assistir Minha Mãe É Uma Peça 2, eu me deparei com o trailer de Passageiros e fiquei com muita vontade de assistir esse filme. Além do fato dele ser protagonizado por uma das minhas atrizes favoritas: Jennifer Lawrence, o enredo do longa também é muito interessante. Felizmente, essa semana eu consegui ir no cinema e no post de hoje, eu vou compartilhar com vocês a minha opinião sobre essa história.

Sinopse: Durante uma viagem de rotina no espaço, dois passageiros são despertados 90 anos antes do tempo programado, por causa de um mal funcionamento de suas cabines. Sozinhos, Jim (Chris Pratt) e Aurora (Jennifer Lawrence) começam a estreitar o seu relacionamento. Entretanto, a paz é ameaçada quando eles descobrem que a nave está correndo um sério risco e que eles são os únicos capazes de salvar os mais de cinco mil colegas em sono profundo.

O Filme 
O filme inteiro se passa no espaço sideral mais precisamente dentro de uma nave espacial, que é muito luxosa e moderna chamada "Avalon". Essa nave transporta 255 tripulantes e 5000 passageiros em uma jornada que tem como destino um planeta colônia chamado "Homestead II". (Aparentemente, em um futuro distante, vários planetas poderão ser colonizados por pessoas que estiverem cansadas de morar na Terra e quiserem mudar de vida).  A viagem duraria aproximadamente 120 anos e por causa disso, todos os passageiros deveriam passar essa jornada dormindo, dentro de uma câmara de sono em uma espécia de hibernação da qual eles só deveriam acordar quatro meses antes da nave pousar. Ou seja, eles permaneceriam "congelados" durante toda a viagem e por isso, não envelheceriam nunca. Dessa forma, quando eles chagassem em "Homestead II" poderiam recomeçar uma nova vida como se o tempo nunca tivesse passado.
A História
Tudo seria perfeito, se a nave não tivesse colidido com meteoros e começado a apresentar problemas técnicos. Foi por causa dessa colisão, que a câmera de sono que era responsável por manter o engenheiro mecânico, Jim Preston dormindo, acaba falhando e por conta disso, ele é despertado 90 anos antes. Quando acorda, Jim fica desesperado ao descobrir que está sozinho dentro da nave e que acordou cedo demais.  Porém, as coisas não são tão ruins assim, Avalon é praticamente um resort de luxo e foi construída para oferecer tudo que um ser humano pode querer e precisar: comida, bebida e muito entretenimento. Pra vocês terem uma ideia, dentro da espaçonave tem uma quadra de basquete, uma pista de dança (uma espécia de "Just Dance" do futuro) e até um bar super elegante, onde um android chamado Arthur trabalha. Aliás, Arthur e Jim acabam se tornando melhores amigos. Mas todo esse luxo não é suficiente pra mudar o fato, de que a menos que Jim encontre uma forma de voltar a dormir ou que ele consiga viver mais de 90 anos, ele não chegará ao seu destino com vida e não terá ninguém além do android Arthur para lhe fazer companhia. 

O Casal
Depois de passar um ano vivendo sozinho dentro da nave e de ter esgotado todas as possibilidades para tentar encontrar uma solução para o seu problema, Jim se encontra em uma estado grave de depressão, Mas antes que ele enlouquecesse de vez, uma coisa muito boa acontece, outra passeira a escritora Aurora, também desperta do seu sono profundo e começa a lhe fazer companhia. (Eu não vou dizer aqui como e porque ela acordou, porque isso vocês só vão descobrir assistindo ao filme). Com o passar do tempo, Jim e Aurora começam a se conhecer melhor, se tornam melhores amigos e como era de se esperar começam a viver um lindo romance. Jennifer Lawrence e Chris Pratt estão fantásticos em seus papéis e possuem uma química incrível é impossível não se encantar com a história de amor de seus personagens e torcer para que eles encontrem um final feliz. Mas infelizmente, nem só de romance sobrevive um filme e é claro, que os problemas começam a aparecer para estragar a felicidade do casal. Primeiro, Aurora descobre um grande segredo de Jim, que faz com que ela comece a odiá-lo e depois, os dois descobrem, que a nave continua apresentando problemas técnicos gravíssimos e que se eles não encontrarem um forma de consertar essa falha, todos que estão a bordo morrerão. Juntos, eles terão que encontrar uma forma de se manterem vivos ao mesmo tempo, que tentam consertar os problemas da sua relação. 

A Conclusão
Passageiros é um filme encantador, que possui elementos para agradar até mesmo as pessoas mais exigentes. Não importa se você é fã de filmes de ficção científica, comédia romântica, drama ou suspense. Em Passageiros, você encontra todos os esses elementos em um único filme e por essa razão, o enredo se torna tão interessante. Essa história vai te prender do começo ao fim. As cenas de ficção são de tirar o fôlego, as cenas de romance vão te fazer suspirar e torcer bastante pelo casal, o drama vivido pelos personagens vai te emocionar muito, as cenas do android Arthur rendem ótimas risadas e os efeitos especiais estão incríveis. Destaque especial para a atuação de Jennifer Lawrence, que está impecável nesse filme. Aliás, eu sinto que a cada trabalho, a Jennifer está atuando melhor, não é a toa, que ela é atriz mais bem paga de Hollywood. Por fim, só me resta dizer, que Passageiros vale o preço do ingresso e que você não vai se arrepender se for cinema assistir.


Então meus amores, qual a opinião de vocês sobre esse filme?

16 janeiro 2017

Resenha do Livro: Quatro Vidas de Um Cachorro

Meus amores como eu contei para vocês na semana passada, eu reservei o mês de Janeiro para colocar todas as minhas leituras em dia. Por isso no post de hoje, eu trago a resenha do segundo livro que eu li esse ano. Eu tenho certeza, que os apaixonados por cachorros vão se identificar muito com essa história.

Sinopse: Esta é a inesquecível história de um cão que — após renascer várias vezes — imagina que haja uma razão para seu retorno, um propósito a cumprir, e que, enquanto não o alcançar, continuará renascendo. Narrado pelo próprio animal, Quatro vidas de um cachorro aborda a questão mais básica da vida: Por que estamos aqui?Emocionante e com boas doses de humor, Quatro vidas de um cachorro é um livro para todas as idades, que mostra o olhar de um cão sobre o relacionamento entre as pessoas e os laços eternos entre os seres humanos e seus animais. Se você gostou de Marley & eu, vai adorar esta aventura que agora ganha as telas do cinema.

O Livro
Se você acompanha o meu blog há algum tempo, você já deve ter percebido, que eu amo assistir filmes que foram baseados em livros e  amo ler livros que foram adaptados para o cinema. Outra coisa sobre mim, que você já deve ter notado é que eu amo animais, principalmente cachorros. Por isso, quando eu assisti o trailer de Quatro Vidas de Um Cachorro e descobri que ele era baseado em um livro, imediatamente eu fiquei com vontade de conhecer essa história. Além disso, a capa desse livro é belíssima, o tamanho escolhido para a fonte poderia ser melhor mas em compensação, a diagramação está perfeita.

A Narração
O livro é narrado em primeira pessoa pelo protagonista da história, o cãozinho Bailey. Essa foi a primeira vez, que eu li uma história narrada pela perspectiva de um cachorro e eu posso garantir para vocês, que foi uma experiência fascinante. A narração foi feita de uma forma leve, envolvente e repleta de detalhes. 

A História
Esse livro conta a história de Bailey, um cachorro que já renasceu várias vezes. (Sim, é por isso que o livro tem o título "Quatro Vidas de Um Cachorro") Durante a leitura, nós acompanhamos o Bailey em cada uma dessas quatro vidas. Depois de renascer tanta vezes, Bailey começa a se perguntar: "Qual o sentido da vida?". Ele acredita, que haja uma razão para o seu retorno e que enquanto ele não alcançar esse objetivo, ele vai continuar renascendo. Dessa forma, o leitor vai acompanhar o Bailey durante toda a sua jornada e juntos vão descobrir, que todo cachorro existe por uma razão. 

A Conclusão
Quatro Vidas de Um Cachorro é um dos livros mais interessantes, que eu já li em toda a minha vida. Você não imagina, que experiência fascinante foi ler uma história pelo ponto de vista de um cachorro. Eu amei saber o que eles pensam, o que eles sentem e ver a forma que eles enxergam o mundo ao seu redor. Foi lindo conhecer o sentido da vida  através dos pensamentos desse cachorro, foi lindo ver como o amor que ele sentia pelo seu dono era puro, forte e verdadeiro. O único ponto negativo desse livro é que o autor foi detalhista demais e prolongou alguns capítulos, que deveriam ter sido mais curtos, o que deixou a narrativa um pouco cansativa. Mas eu acredito, que na hora de adaptar esse livro para o cinema, os roteiristas devem ter resolvido esse problema e que o filme deve ter ficado perfeito,
Por fim, só me resta dizer, que esse livro conta uma das histórias mais lindas que eu já conheci e que ele vai te emocionar do começo ao fim. Essa história vai te fazer rir, chorar. torcer, suspirar e ficará marcado na sua memória e no seu coração para sempre. Então, não percam tempo, vocês precisam ler esse livro e assistir ao filme. Eu tenho certeza, que essa história vai conquistar todos os apaixonados por cachorros. 


Então meus amores, qual a opinião de vocês sobre essa história?

13 janeiro 2017

Top 8: Novidades da Semana

Meus amores, o final de semana chegou e isso significa, que está na hora de compartilhar com vocês, as notícias mais comentadas nessa semana, nas redes sociais. Espero que todos gostem. 

1º Para tudo!!! Selena Gomez e The Weeknd  curtem clima de romance na Califórnia
Selena Gomez e The Weeknd trocam beijos e curtem clima de romance  (Foto: AKM)

Selena Gomez e The Weeknd trocam beijos e curtem clima de romance  (Foto: AKM)

Selena Gomez e The Weeknd trocam beijos e curtem clima de romance  (Foto: AKM)

2º Camila Cabello já está trabalhando no álbum solo

3º Mel Fronckowiak e Rodrigo Santoro vão ter uma filha
(Photo by Alberto E. Rodriguez/Getty Images)

4º Nina Dobrev cortou o cabelo e está de long bob!

5º “Pretty Little Liars” ainda nem acabou e a criadora já está pensando num revival

6º Ariana Grande e John Legend vão gravar nova versão da música-tema de A Bela e a Fera 

7º “Desventuras em Série”: 2º temporada está sendo escrita e a 3º já está nos planos!

8º Emma Watson aparece cantando em trailer de “A Bela e a Fera”

Então meus amores, vocês gostaram das novidades?

Fonte: Capricho, Ego, Hugo Gloss, Quem Acontece, Caras, Papel Pop e PopLine.

11 janeiro 2017

Resenha do Livro: Falando o Mais Rápido Que Posso

Meus amores como eu contei para vocês aqui no blog, nesse Natal, eu ganhei quatro livros que eu estava com muita vontade de ler.  Não tem nada melhor do que começar 2017 colocando as leituras em dia, não é mesmo?! Por isso no post de hoje, eu vou compartilhar com vocês, a resenha do primeiro livro que eu li esse ano. Espero que vocês gostem dele tanto quanto eu.

Sinopse: A estrela Lauren Graham dá um presente aos fãs. Em "Falando o mais rápido que posso", a intérprete da eloquente e amada Lorelai Gilmore faz uma retrospectiva da sua vida e compartilha histórias engraçadíssimas sobre amadurecimento, o início de sua carreira de atriz e, anos depois, como é sentar em seu trailer no set de Parenthood e se perguntar "Será que eu, hmmm, cheguei lá?". Ela também fala abertamente sobre os desafios e as cobranças de ser uma mulher solteira em Hollywood e conta histórias divertidíssimas, como, por exemplo, a vez em que pediram a ela que fizesse um teste para um papel com a própria bunda. Finalmente, Lauren encara uma épica maratona de Gilmore Girls e relembra como foi gravar cada ano da série original e o que significou para ela voltar a interpretar, nove anos depois, uma de suas personagens preferidas.
Além de trazer fotos e trechos do diário que Lauren manteve durante as gravações do reboot "Gilmore Girls: Um Ano para Recordar", este livro é como uma noite agradável em casa batendo papo com sua melhor amiga, rindo, contando muitas histórias e - é claro - falando o mais rápido que você puder.

O Livro 
Eu não poderia começar essa resenha de outra forma, que não fosse confessando, que o motivo que me fez querer ler esse livro é o fato dele ter sido escrito pela Lauren Graham, a Lorelai de Gilmore Girls. Quem acompanha o meu blog sabe, o quanto eu amo essa série e que a Lorelai é a minha personagem favorita. Por isso, quando eu soube que a Lauren tinha escrito um livro contando sobre sua vida pessoal e carreira, eu fiquei com muita vontade de ler essa obra. Além disso, a capa desse livro é lindíssima, o tamanho escolhido pra fonte é perfeito e a diagramação está impecável. No decorrer dos capítulos, a Lauren compartilha com o leitor fotos do seu arquivo pessoal e isso deixou a edição ainda mais interessante. 

A Narração
O livro é narrado em primeira pessoa pela própria Lauren Graham. Afinal, além de ser a autora, ela também é a personagem principal dessa trama, já que esse livro é sobre a vida dela. A narração é feita de forma leve, descontraída e muito divertida. Durante a leitura, eu senti como se estivesse conversando com a minha melhor amiga, vendo suas fotos e claro: falando o mais rápido que eu posso. É impossível não se conectar com a autora e suas histórias. 

A História
Nesse livro, a Lauren Graham faz uma retrospectiva da sua vida e compartilha com os leitores, histórias e detalhes engraçadíssimos, sobre sua vida pessoal e carreira. O livro acompanha a trajetória da Lauren desde a sua infância, mostra os desafios que ela teve que enfrentar no começo da carreira, o momento em que ela recebeu o convite para interpretar Lorelai Gilmore e o que aconteceu depois que a série acabou. Além de mostrar é claro, como a Lauren se sentiu, ao voltar a interpretar a sua personagem favorita. Como o próprio subtítulo diz; "De Gilmore Girls a Gilmore Girls e tudo que no meio do caminho". Essa foi a primeira vez que eu li uma biografia que foi escrita pela própria artista. Por isso, eu tenho que confessar para vocês, que foi uma experiência maravilhosa. Afinal, ninguém te conhece melhor do que você mesmo né?! Quando a biografia é escrita pela pessoa que viveu todas essas histórias, o livro fica muito mais verdadeiro e emocionante. Além disso, durante a leitura, eu senti como se fosse a melhor amiga da Lauren e ela estivesse conversando comigo, brincando comigo, me fazendo rir e me contando seus sonhos, medos, micos e experiências inesquecíveis. Isso deixou a leitura muito agradável, envolvente e divertida, o tipo de livro que te prende do começo ao fim. 

A Conclusão
Falando o Mais Rápido que posso é um livro maravilhoso, que todos os fãs de Gilmore Girls deveriam ler. Em primeiro lugar, porque a Lauren Graham e a Lorelai Gilmore tem muitas coisas em comum: as duas são muito divertidas, possuem um senso de humor incrível, amam fazer referências sobre o universo Pop, são muitos sinceras e tem uma facilidade incrível para mudar de assunto. Isso tudo, sem deixar de mencionar o fato, que as duas falam muito rápido. Sendo assim, por diversas vezes durante a leitura, eu senti como se o livro tivesse sido escrito pela prória Lorelai Gilmore e um livro escrito pela Lorelai precisa ser lido, não é mesmo?! Afinal, ela é a melhor pessoa do planeta. Em segundo lugar, a escrita da Lauren é muito envolvente e descontraída, as horas passam, sem o leitor perceber e quando você se dá conta, o livro já terminou. Esse livro vai te fazer rir do começo ao fim, vai te emocionar e te deixar nostálgica. Além disso, se você assim como eu, já era fã da Lauren, depois de ler esse livro eu tenho certeza, que o seu amor e admiração por ela, vão aumentar ainda mais. Mas se você nunca assistiu Gilmore Girls e nem sabe quem é Lauren Graham, essa é uma ótima oportunidade, pra você ler uma história leve e divertida. Depois de ler essa obra. você também vai se encantar pela trajetória dessa atriz e vai amar esse livro, pois vale muito a pena. 

Então meus amores, qual a opinião de vocês sobre essa obra? 

09 janeiro 2017

Overdose: Globo de Ouro 2017


Meus amores, aconteceu neste domingo (08) em Los Angeles, a 74ª edição do Globo de Ouro. Pra quem não sabe, o Globo de Ouro, é uma das premiações mais importantes, considerada por muitos, uma prévia do Oscar. E é claro, que uma premiação tão importante, não poderia deixar de ser comentada aqui no  blog, não é mesmo?! Espero que todos gostem!

                                                                Lista de Vencedores
   
CINEMA
Melhor filme de drama
Até o Último Homem
A Qualquer Custo
Lion - Uma Jornada Para Casa
Manchester à Beira-Mar
Moonlight: Sob a Luz do Luar
Melhor ator de drama
Casey Affleck (Manchester à Beira-Mar)
Joel Edgerton (Loving)
Andrew Garfield (Até o Último Homem)
Viggo Mortensen (Capitão Fantástico)
Denzel Washington (Fences)
Melhor atriz de drama
Amy Adams (A Chegada)
Jessica Chastain (Armas na Mesa)
Isabelle Huppert (Elle)
Ruth Negga (Loving)
Natalie Portman (Jackie)
Melhor filme de comédia ou musical
20th Century Women
Florence: Quem é essa mulher?
Deadpool
La La Land: Cantando Estações
Sing Street: Música e Sonho
Melhor ator de comédia ou musical
Jonah Hill (Cães de Guerra)
Colin Farrell (O Lagosta)
Ryan Gosling (La La Land: Cantando Estações)
Hugh Grant (Florence: Quem é essa mulher?)
Ryan Reynolds (Deadpool)
Melhor atriz de comédia ou musical
Annette Bening (20th Century Women)
Lily Collins (Rules Don't Apply)
Hailee Steinfeld (Quase 18)
Emma Stone (La La Land: Cantando Estações)
Meryl Streep (Florence: Quem é essa mulher?)
Melhor ator coadjuvante
Mahershala Ali (Moonlight: Sob a Luz do Luar)
Jeff Bridges (A Qualquer Custo)
Simon Helberg (Florence: Quem é essa mulher?)
Dev Patel (Lion - Uma Jornada Para Casa)
Aaron Taylor Johnson (Animais Noturnos)
Melhor atriz coadjuvante 
Viola Davis (Fences)
Naomie Harris (Moonlight: Sob a Luz do Luar)
Nicole Kidman (Lion - Uma Jornada Para Casa)
Octavia Spencer (Estrelas Além do Tempo)
Michelle Williams (Manchester à Beira-Mar)
Melhor diretor
Damien Chazelle (La La Land: Cantando Estações)
Tom Ford (Animais Noturnos)
Mel Gibson (Até o Último Homem)
Barry Jenkins (Moonlight: Sob a Luz do Luar)
Kenneth Lonergan (Manchester à Beira-Mar)
Melhor roteiro original
La La Land: Cantando Estações
Animais Noturnos
Moonlight: Sob a Luz do Luar
Manchester à Beira-Mar
A Qualquer Custo
Melhor animação
Kubo e as Cordas Mágicas
Moana: Um Mar de Aventuras
Minha Vida de Abobrinha
Sing - Quem Canta Seus Males Espanta
Zootopia: Essa Cidade é um Bicho
Melhor filme estrangeiro
Divinas
Elle
Neruda
O Apartamento
Toni Erdmann
Melhor canção original
Can't Stop the Feeling (Trolls)
City of Stars (La La Land: Cantando Estações)
Faith (Sing - Quem Canta Seus Males Espanta)
Gold (Ouro e Cobiça)
How Far I'll Go (Moana: Um Mar de Aventuras)
Melhor trilha sonora
Moonlight: Sob a Luz do Luar
La La Land: Cantando Estações
A Chegada
Lion - Uma Jornada Para Casa
Estrelas Além do Tempo
TV
Melhor série de drama
The Crown
Game of Thrones
Stranger Things
This Is Us
Westworld
Melhor ator de série dramática
Rami Malek (Mr. Robot)
Bob Odenkirk (Better Caul Saul)
Matthew Rhys (The Americans)
Liev Schreiber (Ray Donovan)
Billy Bob Thorton (Goliath)
Melhor atriz de série dramática
Caitriona Balfe (Outlander)
Claire Foy (The Crown)
Keri Russell (The Americans)
Winona Ryder (Stranger Things)
Evan Rachel Wood (Westworld)
Melhor série de comédia ou musical
Atlanta
Blackish
Mozart in the Jungle
Transparent
Veep
Melhor ator em série de comédia ou musical
Anthony Anderson (Blackish)
Gael García Bernal (Mozart in the Jungle)
Donald Glover (Atlanta)
Nick Nolte (Graves)
Jeffrey Tambor (Transparent)
Melhor atriz em série de comédia ou musical
Rachel Bloom (Crazy ex-girlfriend)
Julia Louis-Dreyfus (Veep)
Sarah Jessica Parker (Divorce)
Issa Rae (Insecure)
Tracee Ellis Ross (Blackish)
Melhor filme para TV ou minissérie
American Crime
The Dresser
The Night Manager
The Night Of
The People v. O.J. Simpson: American Crime Story
Melhor ator em filme para TV ou minissérie
Riz Ahmed (The Night Of)
Bryan Cranston (All The Way)
John Turturro (The Night Of)
Courtney B. Vance (The People v. O.J. Simpson: American Crime Story)
Tom Hiddleston (The Night Manager)
Melhor atriz em filme de TV ou minissérie
Felicity Huffman (American Crime)
Riley Keough (The Girlfriend Experience)
Sarah Paulson (The People v. O.J. Simpson: American Crime Story)
Charlotte Rampling (London Spy)
Kerry Washington (Confirmation)
Melhor ator coadjuvante em série, minissérie ou filme para TV
Sterling K. Brown (The People v. O.J. Simpson: American Crime Story)
Hugh Laurie (The Night Manager)
John Lithgow (The Crown)
Christian Slater (Mr. Robot)
John Travolta (The People v. O.J. Simpson: American Crime Story)
Melhor atriz coadjuvante em série, minissérie ou filme para TV
Olivia Colman (The Night Manager)
Lena Heady (Game of Thrones)
Chrissy Metz (This Is Us)
Mandy Moore (This Is Us)

Thandie Newton (Westworld)

Red Carpet

Emma Stone

Natalie Portman

Lily Collins

Amy Adams

Melhores Momentos 

- La La Land bate recorde de prêmios no Globo de Ouro




-Meryl Streep faz discurso impactante defendendo estrangeiros, arte e contra Trump

Fonte:  Ego,  Papel Pop e Hugo Gloss. 

Então meus amores, o que vocês acharam dessa premiação? 
Próxima Página Home
Layout criado por